Passo a passo para regularizar uma moto de leilão

ANÚNCIO

Os leilões são uma excelente oportunidade para adquirir um veículo. No entanto, é necessário tomar certos cuidados. Um deles é saber de antemão como regularizar uma moto. Afinal de contas, será a sua responsabilidade colocar os documentos dela em dia. A fim de te ajudar nesse processo, nós vamos te explicar o que você precisa fazer.

O primeiro passo é ler o Edital de Leilão. Não há como pular essa etapa, já que será esse documento que te informará de todas as informações do evento. Ao fazer a leitura dele, você também entenderá o que precisa fazer depois que comprar o veículo. Se você ignorar o edital, é bem provável que você leve sustos desnecessários no processo de aquisição da moto.

ANÚNCIO

É importante deixar claro que, na maioria das vezes, o veículo anunciado em um leilão é usado. Assim sendo, você terá a necessidade de dar uma atenção especial aos documentos do veículo. Além disso, há casos em que a moto também não está regularizada. O Detran, por exemplo, leiloa veículos que foram apreendidos. Assim sendo, tome cuidado para não deixar o pepino cair na sua mão.

regularizar uma moto
Saiba o que fazer para regularizar uma moto! (Foto: Freepik/ master1305)

O que fazer para regularizar uma moto de leilão

Pense que, se a moto que você comprar estiver com multas, você que terá que pagá-las. Nesse caso, você terá que desembolsar um valor maior do que o do lance. Tudo pode acontecer em um leilão!

Em vista disso, você deve tomar alguns cuidados para não ter surpresas desagradáveis! Em primeiro lugar, consulte a documentação do veículo para avaliar se vale a pena investir nele. Essa parte é muito importante! Afinal de contas, não dá para abraçar o problema de outra pessoa sem ter condições de resolvê-lo, não é mesmo?

ANÚNCIO

Considere também que existem motos que não podem ser regularizadas. Isso acontece quando a lataria delas está tão danificada que só serve como sucata. Como você vai saber se esse é o caso da moto que você está interessado? Lendo o edital! Isso porque ele irá indicar se a moto pode ser reutilizada ou não.

Você também precisará fazer a inspeção da moto. O Detran geralmente libera a visitação do seu pátio para esse fim. Nessa etapa, você terá que conseguir o CSV (Certificado de Segurança Veicular), o qual garantirá que a moto está pronta para uso.

Quando você acabar a inspeção, você precisará resolver as pendências do veículo junto ao Detran. Seguindo as instruções da instituição, você provavelmente conseguirá regularizar uma moto dentro de 90 dias.